6º anos. Profª Luciane Gotardo. História: Origem e dispersão dos seres humanos. Semanas 01 a 16/04/21.

31/03/2021

Olá querido aluno!!! Vamos continuar nosso estudo por aqui mais uma vez, com muita esperança de que tudo isso vai passar. O conteúdo desta semana será uma reflexão, de onde viemos? Muito provavelmente essa pergunta foi feita elos primeiros seres humanos, e ainda hoje permanece uma questão importante. Vamos lá?

Correção das atividades propostas, referente as semanas de 15 a 31/03/21.

1)Qual a diferença entre o tempo cronológico e o tempo histórico? O tempo cronológico é definido como o tempo onde se desenrolam as atividades humanas: nascimento, crescimento, ir para a escola, as festas, etc. O tempo histórico são os acontecimentos que marcam um povo, uma nação, ou as vezes a humanidade.

2)Caracterize os fatos marcantes que deram início aos calendários: cristão, judaico e muçulmano. Calendário cristão: o marco inicial desse calendário foi o nascimento de Cristo. O calendário judaico- O marco inicial é a data em que, para os judeus, Deus criou o Universo. Esse fato teria ocorrido no ano 3760 a. C. Os muçulmanos - estabeleceram a Hégira como marco inicial do seu calendário, a data corresponde à saída do profeta Maomé de Meca para Medina (cerca de julho 622 d. C).

3)Qual a unidade de contagem do tempo mais utilizada pela História? . O século é a unidade de tempo mais utilizada nos estudos de História.

4)O século é uma unidade do tempo que dura 100 anos. Faça números romanos de 1 a 100. 

5 )A História foi dividida em períodos para facilitar seu estudo, faça um resumo sobre a periodização da História. Pré-história- vai desde o surgimento da humanidade até 4000 a.C., com o surgimento da escrita.

A Idade Antiga - inicia com o fim da pré-história, 4000 a.C. vai até 476 d. C até a queda do Império Romano do Ocidente.

Idade Média - vai de 476 até 1453 a tomada de Constantinopla, (queda do Império Romano do Oriente).

Idade Moderna - começa em 1453, com a Tomada de Constantinopla e vai até 1789, com a Revolução Francesa.

Idade Contemporânea - vai de 1789, Revolução Francesa, até os dias atuais.

6)Identifique a que século pertence os seguintes anos, utilizando a regrinha explicada acima:

a)1492= XV            b)1500=XV             c)520=VI                             d)800=VIII

e)2020=XXI           f)1100=XI                g)1250=XIII                          h)1321=XIV

Respostas das atividades do livro didático do 6º ano, da página 22:

1)O objeto de estudo do historiador: A ação dos seres humanos no tempo.

Materiais utilizados pelo historiador para fazer suas pesquisas: Fontes históricas materiais e imateriais.

Ponto de partida da pesquisa histórica: Perguntas, curiosidades, dúvidas geradas no ´presente.

2)a)Imateriais           b)Imateriais          c)Materiais       d)Materiais       e)Imateriais      f)Imateriais

3)a)Século XXVI a. C.          b)Século VIII a. C.            c)Século IV                d) Século XI

4)A prática da capoeira tornou-se patrimônio cultural imaterial justamente em razão dos aspectos culturais, históricos e identitários que a envolvem e a caracterizam. Essa riquíssima manifestação cultural deve ser preservada, divulgada e valorizada.

5) Resposta pessoal. Linha do tempo da sua vida.

Conteúdo: Origem e dispersão dos seres humanos.

Habilidades: (EF06HI03) Identificar as hipóteses científicas sobre o surgimento da espécie humana e sua historicidade; (EF06HI04): Conhecer as teorias sobre a origem do homem americano; (EF06HI06): Identificar as rotas de povoamento no território americano.

Durante a maior parte da História humana, as explicações sobre a origem da vida na Terra estiveram ligadas à religião. Em muitas há a presença de um deus superior e eterno, responsável único pela criação de tudo que existe. A linha de pensamento que se apoia nessa ideia é chamada de criacionismo. O criacionismo é uma teoria que tenta explicar a origem da vida e a evolução do homem. No entanto, é importante ressaltar que a teoria criacionista segue uma linha de pensamento distinta da teoria evolucionista.

O criacionismo se baseia na fé da criação divina, como narrado na Bíblia Sagrada, mais especificamente no livro de Gênesis na qual Deus criou todas as coisas, inclusive o homem.

A outra explicação é o evolucionismo, teoria mais aceita pela ciência para explicar como surgiu a enorme diversidade de seres vivos que habitam a Terra. As bases dessa teoria foram criadas pelos naturalistas ingleses: Charles Darwin e Alfred Wallace, eles concluíram, em suas pesquisas que as espécies de seres vivos passam por transformações ao longo do tempo, diversificando-se e dando origem a novas espécies (seleção natural). Em 1859, Darwim publicou o livro "A origem das espécies" afirmava que o homem era resultado de uma longa evolução que começou com os hominídeos até o homo sapiens, o que corresponde as nossas características atuais.Darwin sugeriu que o homem e o macaco teriam um mesmo ascendente em comum por conta das semelhanças biológicas, mas isso não significa que homem é um descendente do macaco. Ele sugeriu que todos os seres vivos tiveram um ancestral comum. Ele também desenvolveu a ideia da seleção natural, na qual apenas os seres vivos mais adaptados ao ambiente imposto poderiam sobreviver. 

 Os diversos estágios conhecidos do processo evolutivo que deu origem à espécie humana.

Utilizando a teoria evolucionista, os cientistas ligaram a origem do ser humano a um grupo de mamíferos chamado primatas, que surgiu na África há cerca de 70 milhões de anos. Um grupo de primatas deve ter originado os primeiros hominídios, ou seja, seres que já apresentavam características semelhantes às do homem moderno. Os mais antigos hominídios de que se tem evidência foram os australopitecos. Eles viviam no sul da África, já andavam eretos sobre os dois pés e tinham habilidade com as mãos, mas não fabricavam instrumentos.

O gênero Homo

A extinção da maioria dos australopitecos possibilitou o surgimento de uma nova linhagem.

O gênero Homo se destaca pelo desenvolvimento do sistema nervoso e da inteligência. Além disso, apresentava adaptações evolutivas, como o bipedalismo.

Homo habilis: Atualmente, com o estudo dos fósseis, o mais aceito é considerá-lo como australopiteco, sendo Australopithecus habilis. A espécie viveu por volta de 2 milhões de anos a 1,4 milhões de anos atrás.

Homo erectus: Essa espécie se destacou pela fabricação de instrumentos e utensílios de pedra, madeira, pele e ossos. O grupo saiu da África e alcançou a Europa, a Ásia e a Oceania.

Homo ergaster: Seria uma sub-espécie do H. erectus que teria migrado para a Europa e parte da Ásia, onde deu origem a várias linhagens, uma delas o Homo neanderthalensis.

Homo neanderthalensis: Conhecido por neandertais, tinham o corpo adaptado ao frio, ausência de queixo, testa baixa, pernas arqueadas e cérebro maior do que os dos seres humanos atuais.

Os neandertais apresentavam comunicação verbal rudimentar, organização social e sepultamento de mortos.

O homem moderno

O Homo sapiens sapiens é a denominação científica do homem moderno, sendo uma subespécie do Homo sapiens. A principal característica do homem moderno, comparado aos seus ancestrais, é o cérebro bem desenvolvido. Além disso, observa-se a capacidade de raciocínio, comunicação e inteligência pelo desenvolvimento do sistema nervoso.

Todos nós viemos da África

 Evidências arqueológicas reforçam a teoria, baseada em estudos de DNA, de que o Homo sapiens surgiu no leste da África há quase 200 mil anos e migrou para os outros continentes. Alguns estudiosos acreditam que as terras americanas começaram a ser povoadas há 12 mil anos, quando os primeiros grupos humanos, vindos da Ásia, atravessaram o Estreito de Bering, entre a Sibéria (na atual Rússia) e o Alasca (nos Estados Unidos). Segundo essa teoria, que nesse período, essa região encontrava-se congelada em razão da era glacial, formando assim uma ponte natural entre os dois pontos.

Segundo a Teoria Malaio-Polinésia, os polinésios e melanésios teriam vindo de ilha em ilha em canoas de pranchas, ao longo de várias gerações, até chegarem ao litoral americano e, daí, espalharam-se por todo o continente, adquirindo ou desenvolvendo aspectos culturais de acordo com as necessidades e peculiaridades da região habitada. Esta teoria defende que diversas tribos teriam se utilizado de canoas primitivas e que, indo de ilha em ilha rumo a leste, teriam chegado na América do Sul.

Atividades propostas:

1)Explique as teorias que contam sobre a origem do ser humano na Terra.

2)Comento sobre os dois caminhos mais prováveis que os primeiros seres humanos fizeram para chegarem à América.

3)Em oposição ao criacionismo, a_________________ parte do princípio de que o homem é o resultado de um lento processo de alterações (mudanças). Essa teoria foi proposta por Darwin e Wallace. Assinale a alternativa correta:

a.(    ) teoria evolucionista

b.(    ) teoria darwinística

c.(    ) teoria wallaciana

d.(   ) teoria criacionista

4)Observe a imagem a seguir:

 A)Ela representa:

a.(    ) a escala evolutiva dos hominídeos.

b.(    ) a escala evolutiva dos macacos.

Atividades usando o livro didático sobre o capítulo 2:

Faça a leitura das páginas 23 a 30 e depois faça as atividades da página 31, 1, 4, 5 e 6 (se conseguir). Obs: Copie as atividades e responda no caderno. Bons estudos!! Sei que você é capaz!!!!