CIÊNCIAS - 3º TRIMESTRE - 8º ANOS - MATUTINO - MÉTODOS CONTRACEPTIVOS - MÊS: OUTUBRO - PROFESSORA: JULIA BERNARDO

06/10/2021

Olá queridos alunos! Como vocês estão? Espero que estejam bem! Essa mês vamos estudar os Métodos Contraceptivos. Os métodos contraceptivos ou anticoncepcionais têm o objetivo de evitar uma gravidez não programada e/ou prevenir doenças sexualmente transmissíveis (DST), como no caso dos preservativos. Os métodos contraceptivos são utilizados por pessoas que têm vida sexual ativa e querem evitar uma gravidez. Além disso, a camisinha, por exemplo, protege de doenças sexualmente transmissíveis (DST).. 

Livro Didático: Capitulo 6

Conteúdo: Métodos Contraceptivos

Páginas: 77, 78, 79, 80, 81, 82 e 83

  • Realizar a leitura 📚 da página.
  • Copiar e responder a atividade da página 83 no caderno

Os métodos contraceptivos são classificados em cinco grupos:

· Métodos comportamentais, Métodos de barreira, Dispositivo intrauterino (DIU), Contracepção hormonal e Contracepção cirúrgica

A escolha do método a ser adotado deve ser feita a partir do perfil da mulher e em comum acordo com o parceiro, além disso, é recomendada a orientação médica.

Cada método possui características próprias de uso, vantagens, desvantagens e um nível de eficácia que pode variar.

Camisinha

A camisinha é um preservativo, que pode ser masculino ou feminino, sendo considerado um método de barreira.

Eles são considerados os mais seguros, pois além de evitarem a gravidez, também protegem contra as doenças sexualmente transmissíveis (DST), como a AIDS.

Considerado um dos métodos contraceptivos mais populares, a caminha masculina protege contra DSTs, tem baixo custo e é fácil de usar. Além disso, ela apresenta um alto índice de eficácia quando utilizado do modo correto.

É um preservativo que consiste em uma capa fina de borracha cobre o pênis durante a relação sexual, impedindo o contato do sêmen com a vagina, o ânus ou a boca. O esperma fica retido e os espermatozoides não entram no corpo da mulher.

Pílula anticoncepcional

As pílulas anticoncepcionais são feitas com hormônios semelhantes aos que são produzidos pelo próprio corpo (estrogênio e progesterona). Elas atuam impedindo a ovulação e dificultando a passagem dos espermatozoides para o interior do útero.

Elas possuem uma eficácia de 99,8% quando utilizados de forma correta e regular, ou seja, é recomendado que seja tomada uma pílula por dia sempre no mesmo horário.

Anticoncepcional Injetável

O anticoncepcional injetável é semelhante à pílula e consiste na aplicação de uma solução oleosa que libera a mesma quantidade diária de hormônios que a pílula. Pode ser aplicada de forma mensal ou uma a cada três meses.

Não interfere com a menstruação, que ocorre normalmente. É mais prático que a pílula, pois não é preciso administrá-lo diariamente, além de causar menos efeitos colaterais. É um dos métodos contraceptivos com maior índice de eficácia.

Pílula do Dia Seguinte

A pílula anticoncepcional de emergência só deve ser usada excepcionalmente e nunca deve ser adotada como método contraceptivo usual.

Cada dose é composta por duas pílulas que devem ser ingeridas com intervalo de 12 horas. Elas concentram elevada dose hormonal (o equivalente a 8 pílulas anticoncepcionais de uso prolongado) que retarda a ovulação, dificultando assim a gestação.

O uso frequente da pílula do dia seguinte pode causar alterações no ciclo menstrual.

Dispositivo intrauterino (DIU)

O DIU é método contraceptivo do tipo mecânico e pode ser de cobre ou hormonal (SIU).

O DIU de cobre possui uma estrutura metálica com ação espermicida intrauterina, impedindo que o espermatozoide alcance o óvulo e apresentando uma eficácia contra a gravidez de 99,6%.

Inserido dentro do útero por um profissional da saúde, o DIU de cobre libera íons de cobre que imobilizam o esperma que chega próximo do útero.

DIU hormonal

O DIU hormonal (SIU) apresenta material macio e formato de T que possui um reservatório de hormônios, sendo estes liberados em doses baixas no útero.


Apresentando alto índice de eficácia, é importante verificar com um profissional da saúde qual método é o mais adequado para o perfil apresentado.

Diafragma

O diafragma é um método de barreira móvel, que pode ser colocado e retirado da vagina e consiste em uma estrutura de látex combinada com gel espermicida. É preciso consulta médica para verificação do tamanho a ser utilizado.

Deve ser colocada duas horas antes da relação sexual e retirada após 4 a 6 horas, sendo necessário ser lavado com água e sabão após o uso e sua durabilidade é de cerca de 2 anos.

Livre de hormônios e com baixo custo, o diafragma não apresenta um alto índice de eficácia, por isso, a recomendação do uso combinado com espermicida.

Métodos Contraceptivos Definitivos

Os métodos contraceptivos definitivos consistem na esterilização permanente e pode ser realizado tanto nos homens quanto nas mulheres, impedindo assim, que os espermatozoides cheguem ao óvulo.

De acordo com a Lei do Planejamento Familiar, pessoas com mais de 25 anos e que tiverem pelo menos 2 filhos vivos, ou quando houver risco de vida para a mulher ou para bebê, podem usar os métodos contraceptivos definitivos.

É a esterilização nas mulheres, que consiste na ligadura das trompas de Falópio.

É realizado um procedimento cirúrgico em que o médico utiliza um instrumento que bloqueia a passagem do espermatozoide até o óvulo. Em alguns casos é removido um pedaço da trompa. 

A vasectomia é a esterilização realizada no homem. Ela consiste no bloqueio dos ductos deferentes, responsáveis pelo transporte do esperma para outras glândulas, de modo que o sêmen não tenha mais espermatozoides.

A partir desse procedimento, considera-se que o organismo demore 3 meses para se livrar de todo espermatozoide.

Tabelinha

A tabelinha é um método contraceptivo natural que permite à mulher saber o seu período fértil, ou seja, o período do mês em que ela está ovulando e pode engravidar.

Ao adotar este método contraceptivo, a mulher opta por ter relações sexuais somente nos dias não férteis do ciclo menstrual. É um método que exige regularidade, pois em casos de erro a eficácia de uso chega a 76%.

Para utilizar esse método, é preciso registrar o primeiro dia da menstruação, em pelo menos seis meses para se ter conhecimento da duração do ciclo.

Considera-se que o ciclo menstrual tem início no 1º dia da menstruação e termina na véspera da menstruação seguinte.

É importante destacar que em adolescentes o ciclo menstrual sofre muitas alterações, mas a maioria dos ciclos tem entre 28 e 31 dias.

O período fértil corresponde à metade do ciclo, por exemplo se o seu ciclo é de 28 dias, o 14ª dia será o dia fértil, sendo que deve ser considerado dois dias antes e dois dias depois do dia fértil.

Atividades: Copiar e responder as atividades no seu caderno de ciências.

Questão 1. Sobre os métodos contraceptivos, marque com V ou F as afirmativas abaixo:

a) ( ) A camisinha, além de prevenir uma gravidez não planejada, protege o casal de todas as doenças sexualmente transmissíveis.

b) ( ) Qualquer mulher pode utilizar o método da tabelinha para evitar a concepção, sendo bastante eficaz quanto a este objetivo.

c) ( ) A laqueadura, em alguns casos, pode ser revertida.

d) ( ) pílulas anticoncepcionais, além de prevenir a gravidez, são também utilizadas no tratamento de acnes, endometriose, cólica e síndrome dos ovários policísticos.

Questão 2. Pesquise e nomeie cada uma das imagens:

Questão 3. Os métodos contraceptivos possuem como função principal impedir uma gravidez indesejada. Existem diversos tipos de métodos e cada um possui um mecanismo de ação diferente, permitindo a classificação em métodos comportamentais, de barreira, hormonais e cirúrgicos.

A respeito da pílula anticoncepcional, marque a alternativa correta:

a) A pílula anticoncepcional é um dos melhores métodos para a prevenção da gravidez e doenças sexualmente transmissíveis, atingindo eficácia de quase 99%.

b) A pílula anticoncepcional pode ter sua eficácia reduzida caso a mulher não a utilize de acordo com as recomendações médicas e diariamente.

c) Toda pílula anticoncepcional possui a mesma dosagem hormonal, possibilitando que a usuária troque sua pílula sem precisar de retornar ao médico.

d) A pílula anticoncepcional é um método seguro, barato e que pode ser usado por qualquer mulher, uma vez que não possui contraindicação.

Questão 4. A pílula anticoncepcional é um método bastante usado pelas mulheres e apresenta eficácia bem elevada quando comparada aos outros métodos contraceptivos. Marque a alternativa que indica corretamente o mecanismo de ação da pílula anticoncepcional.

a) A pílula anticoncepcional é formada por hormônios sintéticos que impedem o desenvolvimento do endométrio e, consequentemente, dificultam a fecundação.

b) A pílula anticoncepcional é formada principalmente por FSH e LH, que impedem a ovulação e o desenvolvimento do endométrio.

c) A pílula anticoncepcional é composta geralmente por estrógeno e progesterona sintéticos que acabam impedindo a ovulação.

d) A pílula anticoncepcional atua impedindo a implantação do embrião na parede uterina e deve ser tomada até 72 horas após a relação sexual.

Questão 5. A ocorrência de gravidez na adolescência tem aumentado consideravelmente. O conhecimento e uso adequado de métodos contraceptivos podem reverter esse problema.

Em relação a esses métodos, é correto afirmar que:

a) O diafragma impede a nidação da mórula.

b) O dispositivo intrauterino, o DIU, impede a chegada dos espermatozoides ao útero.

c) O método hormonal feminino, pílula, impede a ovulação.

d) O método de tabela é eficiente se forem evitadas relações sexuais entre o 2º e o 4º dia do ciclo.

Questão 6. Diante das dificuldades impostas pelo mundo atual, a humanidade vem tentando controlar o nascimento de novos indivíduos através da utilização de métodos contraceptivos. Para tanto, muitas pesquisas têm colocado no mercado uma infinidade de produtos que podem ser bastante eficientes para o planejamento familiar. Numere a segunda coluna de acordo com a primeira, relacionando os métodos contraceptivos listados na 1º com os modos de ação listados na 2º.

1.Diafragma

2.Pílula anticoncepcional

3.Dispositivo intrauterino

4.Ligadura Tubária

(      ) Previne a ovulação

(      ) Impede a chegada do óvulo ao útero

(      ) Impede a implantação do óvulo fertilizado

(      ) Impede a entrada dos espermatozoides no útero

Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.

a) 4,2,1,3         

 b) 2,3,4,1

c) 2,4,3,1           

 d) 3,4,2,1

Questão 7. Responda as perguntas abaixo:

a)Como  funciona o método tabelinha? Qual é a sua principal desvantagem?

b) Cite uma contraindicação do uso da pílula anticoncepcional?

c) Um homem vasectomizado pode ejacular?

d) Todos os métodos anticoncepcionais são eficientes na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis?

e) Por que muitas pessoas optam por usar camisinha em conjunto com outros anticoncepcionais?